Pousada Rosa Tropicalia

 

Localização: Praia do Rosa/SC

Área: 560,00 m²

Ano: 2015/2018

Status: Concluído

Briefing: Projeto Arquitetônico para Pousada com 13 apartamentos.

Projeto Arquitetônico Executivo e Compatibilização de Projetos Complementares.

Autores:

Arq. Andrei Português Rosa
Arq. Iuri Hausen Mizoguchi

 

   Esta pousada está situada na Praia do Rosa, no litoral de Santa Catarina, conhecida, sobretudo, pela sua exuberância geográfica, em que os morros contrastam com o mar.
      Ao nos depararmos com a demanda de projetar uma pousada com linguagem contemporânea neste local, logo pensamos que, invariavelmente, esta edificação deveria respeitar o ponto em que estaria localizada e suas características.
O PROGRAMA
       A pousada possui 12 habitações, todas elas com as mesmas dimensões, ora organizadas como suítes para casais, ora como quartos coletivos (com camas de solteiro e beliches).
    Além das habitações, o programa engloba uma área de café/bar e uma recepção. Há, ainda, um pequeno apartamento duplex onde reside o proprietário do empreendimento.
Para fazer a relação entre os blocos, criamos uma área de lazer aberta, que interliga as habitações aos demais espaços da pousada.
O PARTIDO

      A pousada foi dividida em três blocos. Voltado para a rua principal, fazendo a relação com a via pública, foi posicionado o bloco de Recepção, o Café/Bar e o apartamento do proprietário. Os demais blocos, relativos às habitações, estão voltados para o pátio central, que é a principal área de lazer do local.
Todas os quartos possuem sacadas voltadas para esse pátio e, para isso, as circulações foram posicionadas nos fundos do terreno.
MATERIALIDADE
    A materialidade da construção foi considerada peça-chave para estabelecer uma relação harmoniosa entre o local e a pousada. Através do uso de madeira e tijolo, tentamos fazer uma construção com linguagem contemporânea e, ao mesmo tempo, que fosse respeitosa com o contexto local e a mão de obra disponível. Evitamos ao máximo os materiais estritamente industrializados, mais vistos em ambientes urbanos. Optamos, então, pela utilização de guarda corpos de troncos de madeira e corda, ripas de madeira, tijolo de demolição, entre outros materiais artesanais.